Os 6 Rios Mais Estranhos do Mundo

04/11/2012 19:41

 

1. Rio de Lixo
Fica difícil imaginar que o rio Citarum, na Indonésia, já foi limpo e cristalino, e que em tempos atras pescadores podiam lançar suas redes sobre ele e retirar peixes em abundância. Hoje, após a industrialização da Indonésia, e sem dispor de um serviço de coleta de lixo, o que se vê é somente o lixo sobre a água, formando uma espessa camada. Isto é o resultado da alimentação das águas pelo lixo de mais de 9 milhões de pessoas e de centenas de fabricas que acabaram se instalando nas margens junto ao curso do rio.
 
 
 
 
 
 
2. Rio Vermelho
Calma ai galera, não to falando do rio de sangue das 10 Pragas do Egito descritas na Bíblia.
Acontece que em 13 de dezembro de 2011, o rio Jian  na cidade de Luoyang, província de Henan foi encontrado transformado na cor vermelha. Ele não tinha sido transformado em sangue. O que aconteceu foi uma contaminação por produtos químicos jogados nas águas por duas empresas de tingimento de tecidos. Após a verificação dos fatos essas duas empresas tiveram suas portas fechadas.
O pior do caso é que do Rio Jian que se extrai a  água de consumo para os moradores da cidade de Luoyang. O Jian flui através da cidade e, em seguida, encontra o Rio Luo.
 
 
 
 
 
 
Acontece que nem todo rio fica vermelho só por contaminação (ou por ter suas águas transformadas em sangue), as vezes o que pode acontecer é que uma alta concentração de determinados sais naturais mude a coloração das águas. Como no caso abaixo do rio Rhône, que tem sua nascente na Suíça.
 
 
 
Nesta foto abaixo, um rio da Indonésia parece ser feito de sangue, mas isso nada mais é que a alta concentração de óxido de fero na água, proveniente do desbarrancamento das margens ocorridas durantes as inundações causadas por uma forte chuva na noite anterior.
 
 
3. Rio Branco (será de leite??)
Não. Infelizmente não é um rio de leite, embora pareça.  Trata-se de uma contaminação de um rio da China por um corante de látex. A tragédia ambiental ocorreu no  Quxi na cidade de Wenzhou, no sudeste da China, transformando-o em que foi descrito como um “rio de leite”. Uma camada de uma substância branca oleosa estava flutuando sobre a superfície do rio, e residentes locais pensaram que a água tinha sido misturada com leite. O chefe do Escritório de Proteção Ambiental local, culpou a poluição em uma empresa comercial, que teria despejado tinta látex no rio. Citando o que a imprensa local disse, “O poluente foi identificado como uma emulsão natural [...] a emulsão, não continha nenhuma toxicidade bioquímica.”
 
 
 
 
 
 
 
4. Rio Verde
Parece até o sangue do predador! Em 29 de dezembro de 2010 águas deste rio em Goldstream Park, Canadá, virou verde neon. De acordo com o Ministério ambiente local, verificou-se uma reação química na água causada por “fluoresceína”. As autoridades locais suspeitaram que alguém despejou fluoresceína no Rio Goldstream para fazer uma piada na temporada de férias. Felizmente,  a substância não é tóxica e nem os peixes, de modo que o  habitat não foi afetado.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
5. Rio Azul
O mundo ainda tem muitos rios azuis, mas talvez um dos mais bonitos rios azuis existentes é o riozinho formado pelo derretimento do glacier Petermann, da Groelândia. Uma língua enorme do oceano artico penetra no glacier, adentrando-o por cerca de 15km a 70km dependendo da época do ano. Aventureiros se arriscam a descer o rio de águas congelantes e cristalinas, com caiaques, enquanto são observados com curiosidade e interesse (alimentar)  por ursos polares.
 
 
 
 
 
 
 
6. Rio Arco-Íris da Colômbia
Durante a maior parte do ano, Caño Cristales é indistinguível de qualquer outro rio: uma cama de rochas cobertas de musgos verdes. No entanto, por um breve período de tempo todos os anos, o rio ganha uma explosão de cores vibrantes. Durante o curto espaço entre as estações chuvosa e seca, quando o nível da água é estável , uma única espécie de planta que reveste o piso rio chamado Macarenia clavigera adquire um tom vermelho brilhante. Ele é compensada por manchas de areia amarela e verde, e com sua água azul, surgem mil tons entre eles.
 
 
 
Isso só acontece por um breve período entre as temporadas, já que na estação úmida na Colômbia, a água flui muito rápido e profundamente, obscurecendo o fundo do rio e turvando a água de modo que a planta não consegue luz suficiente para mudar de cor.  Já na estação seca, não há água suficiente para suportar a deslumbrante variedade de vida no rio.
 
 
Caño Cristales está localizado em uma área remota, isolada não é facilmente acessível pela estrada. Isso tem mantido o rio suficientemente limpo e longe de ataques. Se você planeja dar uma olhada nele, agora já dá, uma vez que a região esteve fechada para turistas durante vários anos por causa da atividade das F.A.R.C. na região, juntamente com preocupações sobre o impacto do tráfego turístico não regulamentado. O lugar foi reaberto aos visitantes, em 2009, e hoje existem várias Agências de Turismo colombianas que levam os viajantes para La Macarena. De lá, eles devem fazer o seu caminho para o local do rio a cavalo e à pé, como parte de uma visita guiada. Os visitantes não estão autorizados a permanecer durante a noite ou cozinhar.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

2leep.com
comments powered by Disqus